quinta-feira, 23 de novembro de 2017



Estas etapas foram pensadas para serem feitas como um ritual de família. Enquanto os filhos montam os elementos, ajudados pela mãe, o pai proclama as leituras.
A montagem inicia no primeiro domingo do Advento. É recomendável que se faça após a Missa do dia, assim que chegarem em casa, pois as leituras da Missa e deste ritual se complementam.
Opcionalmente, pode-se acender uma vela a cada domingo, ao iniciar a montagem do dia, formando uma coroa do Advento.
Não há espaço para o Papai Noel nesta montagem. Embora seja um personagem originalmente cristão (um bispo santo, São Nicolau), sua exploração comercial pode atrapalhar o sentido cristão que queremos resgatar no Natal, principalmente para as crianças. Se for inevitável, coloque tudo que remete a esse lado comercial do Natal longe do presépio e em outros momentos, explicando às crianças o seu sentido.
Separe de antemão tudo que vai precisar para cada Domingo, escondendo os elementos que só serão usados posteriormente.

1º Domingo do Advento

Prepara-se o local para a árvore de Natal e para o presépio, montando a árvore sem enfeites, as estruturas do presépio, se houver, a manjedoura vazia, plantas, animais e pastores, se houver.
Coloca-se algumas bolas na árvore enquanto se proclama a seguinte leitura:

Lc 21, 29   “Olhai a figueira e todas as árvores.
30            Quando começam a brotar, basta olhá-las para saber que o verão está perto.
31            Vós, do mesmo modo, quando virdes acontecer essas coisas, ficai sabendo que o Reino de Deus está perto.
32            Em verdade vos digo: esta geração não passará antes que tudo aconteça.
33            O céu e a terra passarão, mas as minhas palavras não passarão. Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém.

2º Domingo do Advento

Coloca-se os 3 reis magos, ainda distantes do local da manjedoura, enquanto se proclama a seguinte leitura:

Rm 15, 10 “Nações, alegrai-vos junto com seu povo”,
11            “Nações, louvai todas o Senhor e aclamem-no todos os povos”.

Coloca-se a manjedoura vazia, enquanto prossegue a leitura:
12            “Despontará o rebento de Jessé, para governar as nações. Nele, elas colocarão a sua esperança”.
13            Que o Deus da esperança vos encha de toda alegria e paz, em vossa vida de fé. Assim, vossa esperança transbordará, pelo poder do Espírito Santo. Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém.

3º Domingo do Advento

Coloca-se mais enfeites e/ou luzes na árvore, enquanto se lê:

Fl 4, 4:      Alegrai-vos sempre no Senhor! Repito, alegrai-vos!
5              Seja a vossa amabilidade conhecida de todos! O Senhor está próximo.
6              Não vos preocupeis com coisa alguma, mas, em toda ocasião, apresentai a Deus os vossos pedidos, em orações e súplicas, acompanhadas de ação de graças.
7              E a paz de Deus, que supera todo entendimento, guardará os vossos corações e os vossos pensamentos no Cristo Jesus. Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém.

4º Domingo do Advento

Coloca-se a imagem do Anjo, se houver, e as imagens de Maria e José no presépio, se possível ainda um pouco distantes da manjedoura, e se proclama:

Lc 1,26      O anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré,
27            a uma virgem, prometida em casamento a um homem chamado José. Ele era descendente de Davi e o nome da virgem era Maria.
28            O anjo entrou onde ela estava e disse: 'Alegra-te, cheia de graça, o Senhor está contigo!'
29            Maria ficou perturbada com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação.
30            O anjo, então, disse-lhe: 'Não tenhas medo, Maria, porque encontraste graça diante de Deus.
31            Eis que conceberás e darás à luz um filho, a quem porás o nome de Jesus.
32            Ele será grande, será chamado Filho do Altíssimo.

Ave Maria...

Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém.

Natal

Na noite de Natal (24 para 25 de dezembro). Se não for à Missa da noite do dia 24, proceder este ritual à noite, antes de qualquer outra comemoração, como ceias. Senão, deixar para o dia 25 de manhã. (Cumpre-se o preceito de assistir à Missa do Natal tanto no dia 24 à noite quanto no dia 25 em qualquer horário).
Coloca-se uma estrela na árvore e/ou no presépio, e/ou acendem-se as luzes, enquanto se lê:

Jo 1,9       Esta era a luz verdadeira, que vindo ao mundo a todos ilumina.
10            Ela estava no mundo, e o mundo foi feito por meio dela, mas o mundo não a reconheceu.
11            Ela veio para o que era seu, mas os seus não a acolheram.
12            A quantos, porém, a acolheram, deu-lhes poder de se tornarem filhos de Deus: são os que creem no seu nome.
13            Estes foram gerados não do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus.

Coloca-se o Menino Jesus na manjedoura:
14            E a Palavra se fez carne e veio morar entre nós. Nós vimos a sua glória, glória que recebe do seu Pai como filho único, cheio de graça e de verdade.

Reza-se o Angelus diante do presépio, sempre que possível, ao amanhecer, ao meio-dia e ao entardecer (18h):
V/ O Anjo do Senhor anunciou a Maria,
R/ E Ela concebeu do Espírito Santo.
Ave Maria...
V/ Eis a escrava do Senhor.
R/ Faça-se em mim segundo a Vossa palavra.
Ave Maria.
V/ E o Verbo se fez Carne,
R/ E habitou entre nós.
Ave Maria.
V/ Rogai por nós, Santa Mãe de Deus,
R/ Para que sejamos dignos das promessas de Cristo.
Oremos.  Infundi, Senhor, em nossas almas a Vossa graça, para que nós, que conhecemos, pela Anunciação do Anjo, a Encarnação de Jesus Cristo, Vosso Filho, cheguemos, por sua Paixão e morte na cruz, à glória da Ressurreição. Pelo mesmo Jesus Cristo Nosso Senhor. Amém.
Glória ao Pai...

Domingo dentro da Oitava – Sagrada Família

Retira-se alguns personagens, como os pastores, o Anjo, alguns animais e enfeites, se forem muitos. Se forem poucos, retira-se somente o Anjo, alguns animais e enfeites. 

Lc 2, 29     'Agora, Senhor, conforme a tua promessa, podes deixar teu servo partir em paz;
30            porque meus olhos viram a tua salvação,
31            que preparaste diante de todos os povos:
32            luz para iluminar as nações e glória do teu povo Israel.'
33            O pai e a mãe de Jesus estavam admirados com o que diziam a respeito dele.

Se possível, retira-se a manjedoura, colocando o Menino Jesus, de alguma forma, junto a Maria e José, enquanto se prossegue:
39            Depois de cumprirem tudo, conforme a Lei do Senhor, voltaram à Galiléia, para Nazaré, sua cidade.
40            O menino crescia e tornava-se forte, cheio de sabedoria; e a graça de Deus estava com ele.

6 de janeiro - Epifania

Se o dia 6 de janeiro for dia de semana, a solenidade da Epifania é transferida para o próximo Domingo.
Aproxima-se os 3 reis magos da Sagrada Família, enquanto se proclama:

Mt 2,1       Tendo nascido Jesus na cidade de Belém, na Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que alguns magos do Oriente chegaram a Jerusalém,
2              perguntando: 'Onde está o rei dos judeus, que acaba de nascer? Nós vimos a sua estrela no Oriente e viemos adorá-lo.'
9              E a estrela, que tinham visto no Oriente, ia adiante
deles, até parar sobre o lugar onde estava o menino.
10            Ao verem de novo a estrela, os magos sentiram uma alegria muito grande.
11            Quando entraram na casa, viram o menino com Maria, sua mãe. Ajoelharam-se diante dele, e o adoraram. Depois abriram seus cofres e lhe ofereceram presentes: ouro, incenso e mirra.

Ave Maria...

Em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo. Amém.


Em uma noite da segunda à sexta-feira após o Domingo da Epifania

Pode-se preparar uma imagem ou ícone de Jesus para substituir o presépio. Deixe-a reservada ou coberta.
À noite: Começa-se a retirar as luzes e enfeites da árvore e do presépio enquanto se lê:

Is 60, 2     Sim, a escuridão cobre a terra, as trevas cobrem os povos mas sobre ti brilha o SENHOR, sobre ti aparece sua glória.

Retira-se os pastores, se houver.
3        As nações caminharão à tua luz, os reis, ao brilho do teu esplendor.
4        Lança um olhar em volta e observa: todos estes foram reunidos para virem a ti, teus filhos vêm de longe, tuas filhas carregadas ao colo.

Retira-se os reis magos.
5        Então verás, e teu rosto se iluminará, teu coração vai palpitar e ofegar, pois estarão trazendo a ti os tesouros de além-mar, aí chegarão as riquezas das nações.
6        Multidão de camelos te invade, dromedários de Madiã e de Efá, de Sabá trazem ouro e incenso, anunciando os louvores do SENHOR.

Retira-se Maria e José.
At 10, 36   Deus enviou sua palavra aos israelitas e lhes anunciou a Boa-Nova da paz, por meio de Jesus Cristo, que é o Senhor de todos.
37            Vós sabeis o que aconteceu em toda a Judéia, a começar pela Galiléia, depois do batismo pregado por João:
38            como Jesus de Nazaré foi ungido por Deus com o Espírito Santo e com poder.

Retira-se o Menino Jesus.
Ele andou por toda a parte, fazendo o bem e curando a todos os que estavam dominados pelo demônio; porque Deus estava com ele.

Retira-se completamente todos os elementos, árvore e presépio.
Coloca-se a imagem ou ícone de Jesus Cristo, enquanto se reza um Pai-nosso e o Glória ao Pai.


*****

Formação Católica online

www.cursoscatolicos.com.br

Categoria: ,

5 comentários :

  1. Obrigada pelo material. Parabéns pelo blog e o trabalha de evangelização que realiza.

    Que o Senhor os abençoes sempre!

    ResponderExcluir
  2. Belíssimo! Muito obrigado por compartilhar.

    ResponderExcluir
  3. Nunca tinha visto ,achei lindíssimo.A partir de agora vou armar minha árvore com conhecimento,gratidão e oração.Assim como o presépio.Tenho muito orgulho de ser católica e todo dia aprendendo com vcs evangelizando.

    ResponderExcluir
  4. Que lindo vivendo e aprendendo cada dia.

    ResponderExcluir

Related Posts